Mentor: pessoa que serve a alguém de guia, de sábio e experiente conselheiro. 
p.ext. pessoa que inspira, estimula, cria ou orienta (ideias, ações, projetos, realizações etc.).ou O amigo do He-Man
mentor

Dizem as más línguas que eu ando com má vontade com os grupos BDSM, exceto com o grupo que temos no Ceará que eu ainda acho o melhor grupo do mundo. Até porque ele acontece no mundo real também, né? E o que vou falar aqui é muito mais sobre interações virtuais que são os grupos nas redes sociais por exemplo. Acontece na vida real das pessoas longe de mim mas eu só vejo pela janela do computador.

Muita coisa mudou da época que eu frequentava grupos ainda no Orkut. Algumas coisas e aqui volto a lembrar o grupo BDSM CE porque tem jovens que me mostraram aspectos positivos dessas mudanças. Jovens que eu respeito muito.

Eles me levaram a experimentar a interação com outros grupos. E estou tentando. Mas é aqui que vou estar trazendo o que vou entendendo das coisas.

Dia desses em um grupo eu pedi cautela a uma menina em relação a mentores. Bem, mais que isso: eu disse com todas as letras: “fuja dos mentores”. Mas não falo por mera provocação. Nos moldes que vejo por aí, salvo obviamente exceções, é uma coisa assim: a pessoa se autodenomina Mentor ou Mentora. E ai você vê a submissa carregando quase uma coleira de um certo Mentor que achou melhor ela não ir à festa, por exemplo.

E não tem como eu não me chocar com essas ideias sendo transmitidas de forma tão definitiva.

Vejo-me bem. Estou bem. Tenho meu marido que é meu escravo num relacionamento estável, tenho meus escravos, tenho admiração e respeito dos que me rodeiam. E sei que sou mentora para muita gente. Mentora no melhor sentido – para mim-  da palavra.

Tento ajudar todos que me procuram, indicando caminhos, conversando sobre o tema. São pessoas que se aproximaram de mim por admiração e confiança. E eu sei da minha responsabilidade sobre isso.

Não necessito, porém,  me apropriar da pessoa. Quanto mais discreta for a minha presença , mais rápido ela aprenderá a caminhar só. E é isso que queremos.Que aprenda a voar logo. Sozinha. E sigo  como porto seguro. Eles/elas sempre sabem que podem contar comigo.

Mentorar para mim é emprestar meu tempo amorosamente . Mentorar para mim é vir aqui trazer minhas dúvidas, falar sobre meus erros, contar minhas histórias e discutir cases. Transmitir conhecimentos e vivências é uma forma de mentorar.

E , ao contrário do que muitos pensam, informação é poder sim.  Quanto mais você dissemina poder, mais poderoso você se torna. Porque você vai tendo um nível de seguidores , se podemos chamar assim, cada vez mais alto, com desafios cada vez mais elaborados.

Acho que tem que ir embora desse Mentor. Você deveria estar tomando suas próprias decisões. Se não está acontecendo, alguma coisa está muito errada.

Quando disse que esse personagem não existe concretamente, quis dizer que não existe nesses moldes. Não está na hierárquica. Postou-se ali como nobre apenas.

Somos mentores uns dos outros. Aprendo e ensino. Todos os dias.

Ah, mas está escrito…  

Paciência.

Meu e-mail sempre à disposição:
elisabeth.andrade@gmail.com

Anúncios